Como anda o Engajamento na sua Empresa?

Como anda o Engajamento na sua Empresa?

Como anda o Engajamento na sua Empresa?

Por Claudio D’Amico

Quando um profissional se sente engajado?

Isso não tem a ver necessariamente com a instituição. O profissional também pode se sentir engajado porque ele gosta do trabalho, da sua atividade, dos relacionamentos com seus colegas ou da relação que ele tem com seu chefe. E esta última é o que normalmente gera maior engajamento nos funcionários de uma empresa.

Tracy Maylett, no livro “As cinco chaves para destravar o poder do engajamento dos funcionários”, define que o engajamento acontece quando o profissional percebe significado no trabalho, tem autonomia para atuar da maneira que prefere, é capaz de crescer, enxergar o impacto das suas ações e sentir conexão com um propósito maior do que o dele mesmo. “É o estado emocional onde nos sentimos com a energia necessária para nos comprometermos com o trabalho”, diz Maylett.

Numa pesquisa com mais de 32 milhões de respostas de 70 países, um levantamento apontou que ter um chefe engajado aumenta em mais de 200% a probabilidade de que o subordinado também esteja engajado. É importante que seja dito, que oferecer muitos benefícios, embora ajude na atração de talentos, é pouco efetivo para gerar engajamento. Os motivos naturalmente são outros.

Existe uma tendência de que profissionais mais capacitados, em épocas de melhora do cenário econômico com consequente aquecimento do mercado, recebam outras oportunidades de trabalho e deixem a empresa onde estão trabalhando. Por outro lado, profissionais menos engajados tendem a ficar onde estão. A conclusão é que a retenção dos talentos é ainda mais importante em momentos de bons resultados, e é nisso que as empresas precisam focar os esforços.

Muitas empresas fazem periodicamente uma Pesquisa de Engajamento, que é diferente da Pesquisa de Clima Organizacional, pois esta última mensura a percepção da satisfação do funcionário quanto aos diversos processos do dia a dia. A Pesquisa de Engajamento mede o vínculo entre o funcionário e a empresa, a fim de entender o que torna o profissional naturalmente produtivo e contributivo, não mudando de empresa mesmo quando tem oportunidades.

Quando uma empresa tem uma alta rotatividade (turnover), é importante que consiga rever quais são os funcionários que estão saindo e o porquê. Este deveria ser o ponto de partida para retenção e melhoria do engajamento.

Apresento a seguir os 7 principais aspectos que impactam o engajamento dos colaboradores em uma empresa:

  • Boas lideranças
  • Sentimento de propósito
  • Oportunidades de crescimento na carreira
  • Recompensas
  • Possibilidades de desenvolvimento profissional e pessoal
  • Mecanismos de diálogo (feedback e follow-up)
  • Eventos de integração de equipe

Busque criar alternativas que desenvolvam um ambiente atrativo e engajador. Essa será a estratégia mais impactante para que os melhores profissionais trabalhem ao seu lado.

Junte-se aos nossos assinantes.

Receba as notícias do nosso blog, quentinhas, direto do forno.




Posts mais vistos


  • Saiba Mais

  • Publicidade