4 dicas para executar um Plano de Desenvolvimento Individual com eficácia

4 dicas para executar um Plano de Desenvolvimento Individual com eficácia

4 dicas para executar um Plano de Desenvolvimento Individual com eficácia

Para a maioria dos profissionais, organizar e executar um Plano de Desenvolvimento para carreira não é tarefa fácil. Esse também pode ser um desafio para um líder que tenha que apoiar o desenvolvimento de um plano de alguém de sua equipe. Isso porque toda a ação demanda a utilização de uma competência, seja ela técnica ou comportamental e, portanto, envolve conhecimentos já adquiridos ou novos conhecimentos. Além disso, o processo de mudança de modelo mental e os obstáculos dos novos caminhos geram incertezas e necessidade de mobilidade.

Neste artigo, vamos dar 4 dicas sobre como enfrentar os principais e mais comuns desafios durante a organização e execução de um Plano de Desenvolvimento Individual com eficácia, seja seu ou de alguém de sua equipe.

1º Defina os objetivos com a máxima clareza.

Detalhar com precisão onde se quer chegar é o “norte” de todo o Plano. Sem um objetivo bem definido, as ações correm o risco de não serem assertivas. Quanto mais rico em detalhes for seu plano, mais fácil será visualizá-lo. A clara definição do objetivo também irá apoia-lo a mensurar com mais facilidade os resultados a serem alcançados.

É importante também estar aberto para revisá-lo constantemente, pois com os aprendizados e mudanças decorrentes do processo, suas percepções podem leva-lo a considerar novas perspectivas e objetivos.

2º Mantenha-se focado, motivado e otimista.

Todo processo de desenvolvimento requer motivação e otimismo. Durante o persurso, diversos fatores externos e até suas crenças internas irão interferir de maneira significativas contra ou a favor dos seus resultados. Esteja atento para identificar a origem destes estímulos e administrá-los a seu favor.

Mantenha a lembrança de que você se planejou e levou em consideração diversas variáveis para definir as ações do plano. Então, não será um obstáculo no caminho que irá reduzir suas chances de êxito. Procure analisar cada dificuldade no processo como uma oportunidade de aprendizado.

3º Relacione-se com pessoas que podem agregar no seu desenvolvimento.

Compartilhe seus objetivos com quem pode lhe ajudar. Muitas vezes, a experiência de outras pessoas pode servir como orientação para suas ações do plano. Essa é uma forma de reduzir incertezas e buscar oportunidades de relacionamento que podem trazer benefícios durante o processo.

Aproxime-se de pessoas positivas e com espírito vencedor. São elas com quem você poderá discutir seus avanços e renovar suas energias.

4º Crie hábitos para aumentar sua disciplina e organização da agenda.

Busque desenvolver um novo conceito de agenda, que não envolva apenas um cronograma de datas e horários, mas que identifique todas as variáveis que influenciam nas suas ações e as prioridades das mesmas, de acordo com a importância de cada uma.

 

Disciplina e organização são habilidades fundamentais nesse processo. Antes de começar a execução do plano, defina criteriosamente quais recursos serão utilizados para apoia-lo nesse sentido.

Defina as ferramentas que irão lhe facilitar a organização: aplicativos, softwares, calendários. Porém, fique atento: tecnologia em excesso pode atrapalhar. Pratique com as diversas opções, escolha uma e confie na escolha. A partir desse momento, não perca mais tempo procurando melhores soluções. Concentre seus esforços em realizar as ações.

Ainda, crie hábitos saudáveis. Estar bem fisicamente irá colaborar muito durante todo o processo, desde o cumprimento do calendário até sua disposição em executar o plano.

Junte-se aos nossos assinantes.

Receba as notícias do nosso blog, quentinhas, direto do forno.




Posts mais vistos


  • Saiba Mais

  • Publicidade